Memórias do nascimento de um filho

Memórias do nascimento de um filho

“Eu lembro da roupa que eu estava no dia que o meu primeiro filho nasceu.

Lembro do meu médico dizer que era para eu ir direto para o hospital.

Lembro do coração batendo forte e da sensação de “eu não acredito que, hoje, vou tê-lo nos meus braços”.

Lembro que não tive medo da anestesia.

Lembro que ele não chorou e eu fiquei preocupada.

Lembro do alívio a hora que escutei o chorinho.

Lembro da sensação maravilhosa de ver o rostinho dele pela primeira vez.

Lembro que quando falei com ele, ele parou.

Lembro da sensação de solidão na sala de recuperação da cirurgia.

Lembro que pensei: não faz sentido eu aqui sozinha, e todo mundo lá, com o Matheus.

Lembro que a primeira roupinha era amarela.

Lembro do cheirinho dele e dos barulhinhos que ele fazia quando peguei no colo pela primeira vez.

Lembro que ele só dormia e não queria saber de mamar.

Do meu segundo filho, lembro que eu estava tossindo e que a bolsa estourou.

Lembro do caminho até o hospital, madrugada a dentro.

Lembro que não foi boa a sensação de deixar o Matheus dormindo sem poder me despedir.

Lembro que quando a médica disse que ele estava bem, e que ainda tinha muito líquido, eu falei que ela não precisava ligar para o meu médico. Pedi que ela esperasse até as 6:00, afinal o que adiantava ligar para ele as 4:30 da manhã se ele poderia acordar às 6:00?

Lembro que ela disse: não é seu primeiro filho né? Que bom que você é calma, não é o que eu costumo ver por aqui.

Lembro que quando tomei a anestesia fiquei completamente congestionada e tinha a sensação de falta de ar.

Lembro que me deram alguma medicação, e eu melhorei um pouco antes dele nascer.

Lembro da mesma sensação maravilhosa que senti com o Matheus, quando vi o rostinho do Thomás.

Lembro que achei ele bochechudo.

Lembro que a enfermeira mal me trouxe para vê-lo e já queria tirar.

Lembro que eu disse: Não, deixa ele mais um pouco aqui.

Lembro que a primeira roupinha era azul e branca.

Lembro que ele mamou igual um bezerrinho, já na primeira vez.

Lembro da emoção de ver o Matheus fazendo carinho no Thomás pela primeira vez.

Texto: @maeforadacaixa

Foto: @monetnicolebirths

(Visited 644 times, 1 visits today)
Thaís Vilarinho

Mãe de dois meninos lindos Matheus e Thomás, Fonoaudióloga Clínica. Pratico corrida e Muay Thai. Adoro escrever, viajar, escutar música, ver um bom filme, sair e estar com a família e os amigos. Sou curiosa, adoro conhecer e aprender coisas novas.

Share This Post

Escreva um comentário