Conhecendo Murilo

Me emocionei muito com o filme da Huggies para homenagear o dia das mães.

O vídeo mostra a história real de uma mãe com deficiência visual que toca seu filho pela primeira vez, ainda no momento do ultrassom. Por meio de uma impressora 3D, o rosto do bebê é reproduzido permitindo que a mãe possa senti-lo e abraça-lo.

A ação relata a história da jovem Tatiana Guerra. Aos 30 anos e grávida do segundo filho, a futura mamãe, que está no quinto mês de gestação, lida com os desafios da deficiência visual desde os 17 anos. Tatiana foi diagnosticada com neurite óptica, uma inflamação no nervo óptico, que causou a perda da visão.

No vídeo, Tatiana teve oportunidade de sentir o rosto do bebê antes mesmo de seu nascimento. O que seria apenas um ultrassom de rotina surpreendeu a gestante de forma única.

A história de Tatiana é apenas um retrato que ocorre com muitas mulheres no Brasil. Soma-se a isso a proposta de apresentar os avanços da tecnologia, que também permite construir uma nova maneira de aproximar mãe e filho em momentos que, até então, sequer poderiam ser imaginados.

Feliz dia das mães para todas vocês!

(Visited 181 times, 1 visits today)
Thaís Vilarinho

Mãe de dois meninos lindos Matheus e Thomás, Fonoaudióloga Clínica. Pratico corrida e Muay Thai. Adoro escrever, viajar, escutar música, ver um bom filme, sair e estar com a família e os amigos. Sou curiosa, adoro conhecer e aprender coisas novas.

Share This Post

Escreva um comentário