O encanto de Mallu Magalhães

Estou completamente encantada com essa artista brasileira que começou ainda menina.

Além de cantar lindamente com uma voz como ela mesmo diz ser um tanto quanto rouca, Mallu Magalhães compõe todas as suas músicas, e toca vários instrumentos musicais que aprendeu sozinha (o que eu acho o máximo). Ela compõe em Inglês e em Português, e às vezes mistura as duas línguas na mesma música, dando um toque ainda mais especial e peculiar em suas canções.

Em 2007, no seu aniversário de 15 anos, ao invés de festa, ela pediu dinheiro para seus familiares com o intuito de gravar algumas músicas, e colocou-as na internet. O sucesso foi imediato. A partir daí, Mallu começou a ser chamada para alguns programas de TV. Em entrevistas, sempre mencionou Johnny Cash, Bob Dylan e Os Beatles como sendo suas maiores inspirações. Sempre tímida, falava pouco, mas cantava e tocava muito.

Além da TV e internet, iniciou suas apresentações em festivais brasileiros. Hoje vem ganhando o mundo com sua música incrível.

Atualmente tem 3 álbuns gravados:

Mallu Magalhães 2008

Mallu Magalhães 2009

Pitanga

Mallu é casada com o cantor e compositor Marcelo Camelo. Em um programa de TV durante uma apresentação do seu albúm Pitanga, falou que quem escuta o cd dela e o dele, entende que na verdade é um cantando para o outro, ou seja os dois CDs se completam (Pitanga/ Mallu Magalhães e Toque dela/Marcelo Camelo). Logo percebe-se que sua música é completamente autoral e que o amor deles é lindo, inspirador e como ela mesma descreve, legítimo!

Vendo suas entrevistas me encanto ainda mais por ela, pois apesar da pouca idade tem muita maturidade e um entendimento incrível sobre si e sobre sua arte. A doçura, sinceridade e leveza na voz e nas palavras, e sua beleza ao mesmo tempo angelical e exótica, são deliciosas de se ouvir e ver.

Acho que o motivo de eu ter me identificado tanto com a música quanto com a pessoa Mallu Magalhães (que na verdade não da para dividir uma coisa da outra) é que ela se parece comigo na questão da intensidade das emoções e dos sentimentos. Isso conseguimos perceber nitidamente nas letras das canções.

No ano passado ela esteve em NYC fazendo algumas apresentações e sendo muito elogiada pela crítica americana.

Atualmente está em Portugal fazendo apresentações do seu CD Pitanga.

O que eu amo nas músicas dela são a doçura, sensibilidade e sinceridade das letras. Os arranjos com os instrumentos que ela toca dão um toque especial nas canções e são um show a parte.

Eu baixei o CD Pitanga no I tunes e não me canso de ouvir e viajar nas letras das músicas dessa artista incrível que é Mallu Magalhães.

http://www.mallumusic.com.br

(Visited 313 times, 1 visits today)
Thaís Vilarinho

Mãe de dois meninos lindos Matheus e Thomás, Fonoaudióloga Clínica. Pratico corrida e Muay Thai. Adoro escrever, viajar, escutar música, ver um bom filme, sair e estar com a família e os amigos. Sou curiosa, adoro conhecer e aprender coisas novas.

Share This Post

Escreva um comentário