Falar a real não é reclamar ok?

Falar a real não é reclamar ok?

Hoje tive trocando mensagens com leitoras, coisa que eu amo fazer diga-se de passagem.

Falávamos sobre quando dizemos a real da maternidade para alguém, e a pessoa faz logo uma cara feia e diz: Teu filho é lindo e perfeito, não reclama! Gente, quem está falando que não agradecemos? A pessoa por acaso está na hora dos meus agradecimentos quando converso com Deus?

Minha amiga, vou te contar… o gente sem coração.

Como se mães não tivessem nem sequer o direto de sentir dificuldade, cansaço, insegurança e incertezas que vem no pacote da maternidade.

Ninguém pensa que estamos no maior desafio das nossas vidas? Ninguém pensa que precisamos falar e colocar para fora as nossas emoções senão a gente explode? Ninguém pensa na carga que é ter um ser humano que depende só de você.

Eu até posso entender a mulher que não é mãe achar que é reclamação, mas mesmo assim já deixo uma sugestão para elas: por favor, não façam isso, afinal ainda não fazem idéia dos sentimentos que a maternidade traz.

Mas o que eu realmente não entendo são, pasmem, mães falando isso para mães. Gente não dá, definitivamente não dá.

Uma mãe que escuta outra mãe e diz que é reclamação ou já foi mãe faz muito tempo e teve algum tipo de amnésia, ou quer dar uma de mãe perfeita.

Porque quem não sente cansaço me diga? Quem não sente insegurança diz aí? Quem não sente o peso da responsabilidade me fala?

Por isso, peço encarecidamente para se, algum dia, uma mãe abrir o coração para você contando dos seus sentimentos mais profundos, não diga que ela está reclamando ok?

Escute atento ao que ela diz, acolha, de atenção, de carinho, porque é isso que ela faz todos os dias por um ser humano pequeno. Talvez ela de tanto que só está carente, cansada e querendo um pouco de atenção. Vamos ser mais tolerantes e ter mais respeito com o sentimento do próximo? Nós que criamos seres humanos agradecemos imensamente, muito obrigada!

(Visited 125 times, 1 visits today)
Thaís Vilarinho

Mãe de dois meninos lindos Matheus e Thomás, Fonoaudióloga Clínica. Pratico corrida e Muay Thai. Adoro escrever, viajar, escutar música, ver um bom filme, sair e estar com a família e os amigos. Sou curiosa, adoro conhecer e aprender coisas novas.

Share This Post

Escreva um comentário